Laboratório de rio - LabRios+

A implementação em parcerias locais de Centros de Investigação Fluvial (Laboratório de Rio – LabRios+) tem como objetivo principal de criar espaços de demonstração de boas práticas de intervenção ribeirinha, e promover a biodiversidade dos corredores fluviais para permitir a conetividade entre habitat prioritários (92 E 0);

O LabRios+ assenta num laboratório vivo inovador para a 1ª estratégia de reabilitação de rios municipal e ilustrar métodos de gestão e intervenção local que crie valor económico, ambiental e social e promova a Educação Ambiental.

O LabRios+ propõe criar condições sustentáveis para demonstração de técnicas de engenharia natural e da sua aplicabilidade e vantagens económicas e ecológicas na conservação e reabilitação de habitats prioritários de espécies autóctones em corredores ribeirinhos.

Pretende-se com este laboratório concretizar um ShowRoom da Reabilitação de Rios à escala Municipal, com a área mínima de 2ha (500 m de comprimentos com 40 metros de largura) num rio ou numa ribeira não navegável, para implementar técnicas de Engenharia Natural e locais de formação e demonstração de soluções de reabilitação fluvial, para a população em geral e comunidade escolar, enquadrando as disposições legais nacionais e comunitárias em matéria de ambiente, nomeadamente: a Diretiva Quadro Água (DQA), as Diretivas Aves e Habitats, a Agenda Local 21, o Quadro de Ações Prioritárias para a Rede Natura 2000 (PAF), a Estratégia Nacional de Conservação da Natureza e da Biodiversidade e o Plano Setorial para a Rede Natura 2000.

Procura-se ainda desenvolver as Rotas de Rios+, que consistem em estabelecer Rotas Reabilitação de Rios pedonais, cicláveis ou motorizadas que congreguem objetivos ambientais, culturais, de lazer, de empreendedorismo social, e que promovam a reabilitação fluvial e o desenvolvimento sustentável.

Objetivo

  • Espaço LabRios+: formalização do laboratório - espaço de demonstração de boas práticas de intervenção ribeirinha
  • Espaços demonstrativos: implementação de técnicas de engenharia natural em 50 metros das várias freguesias do município
  • Ilustrar métodos de gestão para criar valor económico, ambiental e social
  • Promover a Educação Ambiental e a mudança de comportamentos perante a conservação da natureza e da biodiversidade

Metas

  • Km/Rios intervencionados
  • Número de Pessoas benificiárias
  • Número de locais replicados N+1
  • Área de intervenção 2ha -> 200ha-> 2000ha

Piloto/Teste

  • Aquisição ou arrendamento (20 anos) de terreno com: >2ha (500m de frente ribeirinha)
  • Tipo de Rio >3 e <20 metros de largura não navegável

Será um centro de investigação acessível ao público onde vão ser desenvolvidas atividades como projetos de investigação académicas, workshops e palestras. Tendo como foco, no contexto rios, as temáticas de Ambiente, Biologia, Geologia, Química, Física, Economia e Sociologia.

Pretendemos com este laboratório:

Fig1 3700f271d2e629bd4edcd3943b46b13b107573e56e7296cc6ddd6152ce6eac78
Figura 1: Valorização LabRios+

Este laboratório de rios terá uma área onde serão aplicadas pelo menos 6 conjuntos, espaçados no tempo, de técnicas de Engenharia Natural com estacas de árvores autóctones (figura 2).

Fig2 48bd5fbe2bc98f4a00ce8ee7a67752108c6be43d1b5b494e742c11839dab4fe5
Figura 2: Esboço LabRios+